Algumas palavras para uma turma memorável

Discurso na colação de grau da turma de Direito 2009-2013 da FACAMP

 

Queridos alunos, queridas alunas,

prezados pais, parentes, professores e todos os presentes:

É com imensa alegria que me dirijo aos senhores para saudá-los neste momento tão importante na vida de todos que aqui estão: a colação de grau em direito. Sou testemunha de que, há cinco anos, vários desses rapazes e moças, hoje ostentando o tratamento de “doutores” e “doutoras” nos corredores dos fóruns, arrastavam seus tênis e chinelos sob as árvores da Facamp, entre uma aula e outra, tentando assimilar tudo isso que hoje faz dos senhores bacharéis.

Recebi com algum espanto e muita honra a informação de que seria o patrono da turma. Espanto porque, como já disse outras vezes aos senhores, não é comum que, numa faculdade de direito, um professor das “matérias que não têm códigos” seja lembrado pelos alunos ao final do curso, ainda mais de modo tão positivo! E honra, muita honra, porque sei da qualidade de todos os professores que estiveram conosco na formação dos senhores, de modo que não é uma ocasião qualquer representá-los aqui neste momento, escolhido pelos próprios alunos. Pois bem, sou-lhes muito grato mesmo.

Os anos que os senhores viveram na Facamp foram exatamente os meus primeiros anos lá também. Posso dizer, de certo modo, que estamos nos formando juntos. E eu não poderia querer forma melhor de comemorar a data do que estarmos aqui reunidos.

Mas o que é que temos tanto a comemorar aqui hoje?

De longe, alguém até poderia acreditar que passar pela faculdade de direito é apenas carregar alguns livros mais pesados do que o normal durante cinco anos em que se aprende a dizer os nomes que o próprio direito dá para as pessoas, para seus atos, para suas coisas. Tornar-se bacharel em direito acaba parecendo apenas o resultado de dedicar-se a dominar um certo repertório de termos e regras.

De perto, todavia, os bacharéis que estão aqui hoje sabem lidar com muito mais do que direito. E mais: sabem perfeitamente que o direito mesmo, aquele que nos encanta e que é capaz de nos aproximar do que consideramos justo, é bem mais do que um conjunto de regras que ora se aplicam, ora não se aplicam a uma realidade em permanente mutação. Dar conta desse direito, ir além do que vai guardado nas páginas do Vademecum, é o desafio que os senhores aceitaram há cinco anos e que hoje podem considerar vencido.

Toda a perseverança que a boa formação exige do estudante, somadas às transformações pessoais moldadas pelo intercâmbio com professores, colegas, autores e tantas perspectivas diferentes, fazem agora parte não apenas da história de vocês, mas principalmente do que será o futuro de cada um aqui – que começa exatamente nesta data. Sigam os senhores as carreiras jurídicas ou não, tenho certeza de que levarão do curso de direito da Facamp, junto a inestimáveis amizades e memórias, também a pretensão de dar um sentido novo à vida – à de vocês, à dos que os cercam, à de todos quantos consigam beneficiar com os instrumentos que o direito oferece.

Diante desses instrumentos, na busca por tirar deles o melhor possível, os senhores sabem que o desafio é imenso e crescente, porque o direito da nossa época, por mais que conserve muitas de suas características clássicas, cada vez parece menos com aquele conjunto rígido de normas que um bacharel antigo se dedicava a decorar e declamar no cotidiano. O direito, creio, está cada vez mais dividido em ramos, setores e setores dos setores. E cada uma dessas suas novas partes, ao passo que se tornam mais independentes dos antigos ramos, juntam-se a outras, cruzam-se para formar ramos cada vez mais complexos. E não tenho dúvida de que todos aqui têm condições de perceber quando o direito se torce para tornar a vida melhor ou mais difícil, bem como de que têm a habilidade necessária para evitar que o direito seja menos quando poderia ser mais.

Temos, sem dúvida, muito a comemorar nesta data. E cada um dos senhores será capaz de fazer com que tenhamos mais ainda a comemorar pela frente – na vida de vocês, na vida de todos.

E eu, particularmente, tenho muito mesmo a agradecer. Não apenas por essa ocasião especial aqui, mas principalmente pelo respeito com que sempre me trataram durante todos esses anos. Se hoje sairei daqui com a impressão de que, de fato, estou me tornando um professor, boa parte da responsabilidade é dos senhores, até mesmo porque me habituaram a andar pela faculdade sendo chamado de PROFESSOR, com quase todas as variantes que os sotaques deste país são capazes de oferecer! E se essa palavrinha, em nosso convívio, a cada dia foi se tornando menor – “professoooorrrrr”, “fessooorrrr”, “psorrr”, “soorrr” – quero crer que não era porque ela perdia sua força, mas porque nossos laços jamais deixaram, um semestre sequer, de se estreitar e de fazer cada vez mais sentido.

Chegamos, enfim, à conclusão de uma etapa importante de nossas vidas: os senhores saem daqui bacharéis e nós professores saímos renovados em nosso ofício, em nossa missão. Juntos, todos temos muito trabalho pela frente, ainda mais num momento em que o Brasil precisa tanto de pessoas capazes de entender o que é melhor para nosso futuro e, claro, com disposição para agir, com todas suas forças, para a realização desse futuro melhor.

Acredito que hoje sairão daqui novos “doutores” e “doutoras” que se destacarão nas lutas todas que temos pela frente, principalmente porque compreendem que a realização dos nossos sonhos exige entretecê-los aos de todos que estão neste imenso barco conosco.

Parabéns a todos e muito obrigado!

Campinas, 14 de março de 2014.

Anúncios

2 comentários sobre “Algumas palavras para uma turma memorável

  1. Célia 15 de março de 2014 / 07:10

    Parabéns a todos!!! Que ao longo do caminho continuem encontrando professores, de sala e de vida, tão admirável.

  2. Valdecirio 15 de março de 2014 / 09:14

    Tarso, amigo, professor e colega, belo discurso. Parabéns a você e seus alunos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s