Sobre matar leões

Não se enganem: o verdadeiro ser humano de nossa época, o nosso contemporâneo mais verdadeiro, mais em sintonia com os valores vigentes (individualismo, hedonismo, competitividade, violência, ostentação etc.), é este que tem grana de sobra para viajar para um continente que, de resto, despreza, levar armas caríssimas para hotéis igualmente caros, atirar em animais à beira da extinção e, instantaneamente, exibir a caça ao lado de um sorriso nas redes sociais. Neste momento, infelizmente, não há qualquer discrepância profunda entre o dentista que mata leões e o que nos cerca nos mais diversos níveis da vida. Os homens matam. Ponto. Quando precisam e quando não precisam. Bichos, culturas e, claro, outros homens. Matam tudo o que podem. Real e simbolicamente. Desde sempre matamos. E estamos dispostos a continuar matando. Ou aplaudindo quem mate por nós. E me arrisco a dizer que nossa época talvez seja aquela em que a figura do “homem caçador” mais contaminou todos os outros ramos da vida. Não fui eu que inventei a expressão “matar um leão por dia” para significar a forma como devemos nos comportar no trabalho, por exemplo. Então fica difícil acreditar que as fotos de um leão morto à toa nos façam mudar. Duvido. Qualquer humano que você encontre por aí e não coincida com esse ímpeto destrutivo é, no mínimo, um exemplar raro – de um lado, porque deve ter intrigantes mecanismos de resistência ao que o nosso tempo quer fazer mais e mais de nós; de outro, porque é provável que em seus gestos já se antecipe um tempo que ainda temos que construir, em que nada do que disse aqui venha a fazer sentido. Este bicho também corre o sério risco de extinção, mas, aqui e ali, de propósito ou por desprezo, pouco importa, ajudamos a matá-lo. Cotidianamente.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s