Um anticonselho do Carlos

«Só escreva quando de todo não puder deixar de fazê-lo. E sempre se pode deixar. […] Leia muito e esqueça o mais que puder» (Drummond, “A um jovem”, 1953).

drummond

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s